29 de out de 2008

Hilda Hilst

"Quem és? Perguntei ao desejo.
Respondeu: lava. Depois pó. Depois nada."

"Para onde vão os trens, meu pai? Para Mahal, Tami, para Camiri, espaços no mapa, e depois o pai ria: também para lugar nenhum, meu filho, tu podes ir e ainda que se mova o trem tu não te moves de ti"

Nenhum comentário:

Blog Widget by LinkWithin