30 de ago de 2014

ALESSANDRA MAESTRINI - SEM FANTASIA (Drama N' Jazz)







Vem, meu menino vadio

Vem, sem mentir pra você

Vem, mas vem sem fantasia

Que da noite pro dia

Você não vai crescer



Vem, por favor não evites

Meu amor, meus convites

Minha dor, meus apelos

Vou te envolver nos cabelos

Vem perde-te em meus braços

Pelo amor de Deus



Vem que eu te quero fraco

Vem que eu te quero tolo

Vem que eu te quero todo meu



Ah, eu quero te dizer

Que o instante de te ver

Custou tanto penar

Não vou me arrepender

Só vim te convencer

Que eu vim pra não morrer



De tanto te esperar

Eu quero te contar

Das chuvas que apanhei

Das noites que varei

No escuro a te buscar

Eu quero te mostrar

As marcas que ganhei

Nas lutas contra o rei

Nas discussões com Deus

E agora que cheguei

Eu quero a recompensa

Eu quero a prenda imensa

Dos carinhos teus



Chico Buarque

27 de ago de 2014

Risque - Diogo Nogueira e Hamilton de Holanda





Risque

Ary Barroso



Risque meu nome do seu caderno

Pois não suporto o inferno

Do nosso amor fracassado

Deixe que eu siga novos caminhos

Em busca de outros carinhos

Matemos nosso passado

Mas se algum dia, talvez

A saudade apertar

Não se perturbe

Afogue a saudade

Nos copos de um bar

Creia

Toda quimera se esfuma

Como a beleza da espuma

Que se desmancha na areia
Blog Widget by LinkWithin